Rede Questão Brasil

Loading...

Arquivo do blog

Pesquisar este blog

terça-feira, 4 de março de 2014

Declarações de Putin 'não enganam ninguém', diz Obama, mas os EUA querem solução pacifica na Ucrânia

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou nesta terça-feira que as razões apresentadas por seu colega russo, Vladimir Putin, para justificar sua incursão militar na Crimeia "não enganam ninguém" e que a ingerência russa na Ucrânia contribuirá para o isolamento de Moscou.

No entanto, Obama também fez referência a informações de que Putin, que havia dado uma coletiva de imprensa pouco antes, teria feito uma pausa para refletir sobre as alternativas à crise ucraniana.

Também nesta terça-feira, o secretário americano de Estado, John Kerry, que está em Kiev, afirmou que a Rússia está buscando um pretexto para invadir a Ucrânia, e também advertiu que Moscou corre o risco de se isolar se não colocar fim a sua escalada neste país.

"A Rússia busca um pretexto para poder invadir a Ucrânia", afirmou o chefe da diplomacia de Washington, condenando o ato de agressão de Moscou contra Kiev. Kerry garantiu, no entanto, que seu país não busca o confronto com Moscou.
Leia mais: Declarações de Putin 'não enganam ninguém', diz Obama - Terra Brasil

Seguidores

Twitter